História do Grupo Muzenza de Capoeira

O Grupo Muzenza de Capoeira, foi fundado em 5 de maio de 1972, na cidade do Rio de Janeiro, tendo como seu fundador, Paulo Sérgio da Silva (Mestre Paulão), oriundo do grupo Capoarte de Obaluaê, do Mestre Mintirinha (Luís Américo da Silva). Em outubro de 1975, chega a Curitiba – Paraná – Mestre Burguês (Antônio Carlos de Menezes), que depois de lecionar nos bairros do Méier e Madureira, no Rio de Janeiro, decide fundar mais um núcleo do Grupo Muzenza no Sul do Brasil, implantando e desenvolvendo uma metodologia e uma filosofia própria, voltada para as raízes da capoeira, tendo introduzido essa modalidade em clubes, quartéis, escolas, academias, comunidades carentes e comunidades negras. Mais de 15.000 alunos, já passaram pelo Grupo Muzenza de Curitiba, e hoje o Grupo se faz presente em 26 estados brasileiros, e 35 países, buscando sempre os fundamentos e as raízes da capoeira através de muita pesquisa. Desde 1975, o Grupo passou a ser presidido pelo Mestre Burguês.

Mestre Burguês

A proposta do Grupo Muzenza, é desenvolver um trabalho de capoeira, essencialmente como arte – luta, mas dando condições aos praticantes de se identificarem com os outros vários seguimentos que existem na capoeira. Dessa forma, o Grupo Muzenza apresenta uma proposta pedagógica que engloba a capoeira como: luta, arte, ritmo, poesia, cultura, desporto, profissão e filosofia de vida. Permitindo que cada aluno se identifique com uma dessas vertentes. Todavia, a principal proposta do grupo Muzenza é a capoeira como luta, o desenvolvimento de uma metodologia e filosofia própria, nunca esquecendo de buscar as raízes da capoeira através de muita pesquisa, procurando preservar, a Capoeira Angola e Regional, bem como o respeito e valorização ao verdadeiro Mestre. Lembre-se: não é senhor de si mesmo o homem que contrai o vício e dele torna-se escravo Mestre Burguês

“Capoeira é capoeira” para que você possa entender melhor essa definição deve vivê-la.” Mestre Burguês

A história do grupo Muzenza no Oeste do Pará

CONTRAMESTRE PINTADO

A história do grupo Muzenza no Oeste do Pará iniciou quando o atual Contramestre Pintado, no final de 2003, resolveu ir até Belém para aprender mais sobre a capoeira e visitar alguns grupos para afiliação. Durante a viagem encontrou o graduado Saint Clayr de Campos Solano (San) que na época era corda verde do Grupo Muzenza. Depois de uma boa conversa entre eles foi apresentado ao professor Marcelo, responsável pelo Grupo em Belém. Então o senhor Elon Oliveira Vieira conhecido no mundo da capoeira como Pintado fez um acordo e levou o Grupo Muzenza para Santarém no início de 2004. Após 8 meses de filiação fez o primeiro Santarém Muzenza de Capoeira que teve um grande público entre alunos e convidados. Tendo como sua base na época os graduados Vando, Branches, Jaime, tom e muitos outros que sempre estiveram presentes desde o início desta trajetória do grupo Muzenza em Santarém – PA. Atualmente a Escola está cada vez maior abrangendo as cidades de Santarém, Itaituba,Trairão, Altamira, Prainha, Juruti, Óbidos, Alenquer, Curuá e Oriximiná. O grupo já fez 15 anos de história na região Oeste do Estado e é grato ao Mestre Burguês pela oportunidade.